Amazon

Venha conhecer os meus e-books!

Apesar de ser amante dos livros físicos, de gostar de segurar um calhamaço, de sentir a textura das páginas e da sensação indizível de segurar nas mãos uma história, eu acabei me rendendo aos digitais. Em minha defesa, o fiz quando alguém que realmente não podia ler um livro físico me confessou que queria muito ler minhas histórias. Enfim, não traí minha verdadeira paixão, mas permiti que meus personagens se divertissem, se emocionassem e se aventurassem em uma outra esfera.

Design sem nome (2).png
 
Capa Kindle Corina.png

"Corina"

Um naufrágio fez dela uma órfã. Uma ameaça fez dela exímia espadachim. O medo a tornou incomparável no arco e flecha. E um incêndio lhe tirou aquilo que ainda restava.
Agora, sozinha, sem um lugar para onde voltar, ela precisa salvar os primos e devolvê-los à Baronesa. Ela só não contava que, nesta aventura, encontraria um lugar para pertencer e ousaria ser feliz na travessia, não apenas em seu destino final.
“Mais uma vez nos deparamos com o sentimento que transborda de Laura Assis para seus livros.” Joyce Fundão @jooyfun

 
 
Capa Kindle Jessy.png

"Jessy & John"

Um romance para fazer você suspirar!!

Jessica, uma jovem de São Francisco, muda-se para Manhattan para o cargo de sous-cheff em um prestigiado restaurante, o Ragazzi's. Para morar na cidade dos seus sonhos, ela se despede temporariamente de seu irmão e melhor amigo, Sebastian que, mesmo à distância, continua cuidando da irmã mais nova. A mais de quatro mil quilômetros de sua casa, ela não pensou que fosse ser tão acolhida, abraçada pela cidade, pelas pessoas e, acima de tudo, pelo amor. Uma história sobre despedidas e reencontros, que nos mostra que toda narrativa tem mais de um ponto de vista e que nenhuma esperança é em vão.

 
 
Capa Kindle Mariana.png

"O meu Boi Morreu"

Um conto no sertão

Mariana era só mais uma menina do sertão até que descobriu a verdadeira história de seu pai...
Acompanhe a trajetória dessa menina doce que, mesmo em meio ao sofrimento, mesmo em meio às dificuldades, busca a razão de sua existência, ou melhor, da existência humana.

Em quarenta e oito páginas, conheça a menina que deixou o sertão para se transformar em uma mulher forte, firme. lutadora e generosa, umas das minhas personagens mais queridas.

Abaixo, assista ao booktrailer de "O Meu Boi Morreu".

 
 
Capa Kindle Prímulas.png

"Prímulas em Meio à Guerra"

Durante muitos anos, a Literatura universal foi marcada por mulheres frágeis, vistas como puras e ingênuas. Em “Prímulas em meio à guerra”, de Laura Assis, é evidente a desconstrução desse perfil idealizado da figura feminina. Através dos dilemas sentimentais de Lauren, é possível perceber a força de uma mulher que, embora muito jovem, se mostra madura o suficiente para lutar pelos seus objetivos, pela chance de amar verdadeiramente, pelos seus amigos e, sobretudo, pela sua felicidade. Acompanhe esta saga incrível, repleta de romance e história, e descubra que, em tempos de guerra, toda partida pode ser um recomeço.” (Ana Carolina Morgado)

Abaixo, assista a mais um booktrailer desse livro maravilhoso!

 
 
Capa Kindle Galáxia.png

"Galáxia Particular - devaneios sobre amores raptados"

"Não importa se ela é Lise ou Íris, ou qualquer outro nome que queira ter, a personalidade de camaleoa refletirá sempre em seus poemas. As marcas deixadas por Lise, os passos trilhados por Íris, cada qual ao seu estilo desnuda e revela sutilmente quem está por trás delas. A personalidade inconfundivelmente forte, sagaz, aventureira e fugaz da estreante Laura Assis. Leitora voraz, tem como guias Fernando Pessoa, Leminsky, Ferreira Gullar, Vinícius de Moraes e a poetisa portuguesa Matilde Campilho. Mas seu coração pulsa descompassado quando caminha pelas veredas deixadas por Guimarães Rosa.
 E esta obra é, antes de tudo, sobre liberdade. Percebe-se nelas a vicissitude a partir dos desamores, da desilusão, da dor, da vontade, da procura, do encontro e dos reencontros. O leitor atento observará que tais mudanças provocaram um profundo amadurecimento na autora e em seus poemas, cada vez mais densos, intensos e, por vezes, sangrentos. As dores de Lise e Íris afetam os seus leitores como uma bofetada que arde no rosto, mas ensina, como um manual, que mulheres podem e devem ser livres.
Por fim, é uma obra que rasga o ser e expõe-lhe a alma. " Danielle Melchiades

Abaixo, um poema extraído do livro.