2020-09-06-17-44-13-325.jpg

Laura Assis

Sou formada em Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora, geminiana, romântica incurável e, assim sendo, descobri-me poetisa. Escrevo, apaixonadamente, à sombra de meus escritores favoritos acreditando que “quem escreve cria um castelo, quem lê mora nele”, conforme nos disse Monteiro Lobato. Curiosa desde que nasci, ser completamente mutável, mas não volúvel. Observadora dos relacionamentos alheios que, das teorias que encontrei sobre o amor, nada consigo aplicar a mim mesma.
Facilmente impressionável, entretanto, desconfiada como todo mineiro que se preze. Intelectualmente permeável, dona de um coração rebelde e ávido pelo amor, me apaixono facilmente por seres inteligentes e dotados de sagacidade. Extremamente comunicativa, carinhosa e afável, não abro mão daqueles a quem entrego meus cuidados. 

Durante um ano e meio fui colaboradora da "Revista Oblívio", de Juiz de Fora e atualmente participo do "Clube dos Literatos", de Barbacena.

Publiquei, em 2017 o meu primogênito, "Galáxia Particular - devaneios sobre amores raptados" e, em 2020 o meu grande sonho, "Prímulas em Meio à Guerra".

 

"Corvo Literário"

Coletânea "Corvo Literário"

Foi uma grande surpresa, para mim, ser convidada a integrar "O Corvo Literário" em 2021. Estar entre escritores cujos estilos são, ao mesmo tempo, tão diversos e semelhantes, mentes cujas criações inspiram, enobrecem e cativam meu "eu literário", foi um grande passo na minha carreira.
Quando Adam, meu queridíssimo amigo e poeta, me convidou para integrar esta coletânea, meu coração saltou de alegria e satisfação.
A coletânea ainda aguarda lançamento, mas fique de olho para saber das novidades!

 

"O Clube dos Literatos e a Coletânea Fantástica"

Coletânea Clube dos Literatos - 2020

Eu tive a honra de organizar esta maravilhosa coletânea, que veio como uma linda surpresa em um momento tão delicado de pandemia. Além de ser a organizadora deste trabalho, que reuniu alguns dos melhores artistas de Barbacena, tive o prazer de ver incluído nela um trecho do meu conto "O meu boi morreu", que fala sobre Mariana, uma menina que cresceu no sertão brasileiro e cujo melhor amigo era um boi. 
A "Coletânea Fantástica" ainda está aguardando o lançamento, mas já deixo aqui a capa para vocês conhecerem.

 

Florilégio do Brasil

Coletânea Editora Pindorama - 2020

Tive o prazer de ver incluído nesta coletânea o conto "Das cinzas para a eternidade" e os poemas "Malogrado", "Ecos na escuridão", "Acima do céu" e "Nua, crua, nada sua", todos de minha autoria.
"A palavra antologia vem do grego e significa florilégio, coleção de flores. Portanto, quando pensamos em reunir as flores literárias dos escritores brasileiros nesta coletânea, o título "Florilégio do Brasil" surgiu de maneira natural, ajustando-se perfeitamente à essência desta série."
(Luciene Brissi)

 

Universos Divergentes

Coletânea Editar Editora - 2017

Tive o prazer de ver incluído nesta coletânea, da qual participei como colaboradora da Revista Oblívio, meu poema "The End".
"Vários grupos literários de Juiz de Fora também nos brindam com suas poesias, entre eles: Leia JF, Chá com Poesia, Confraria dos Poetas, Revista Oblívio e UBT (União Brasileira de Trovadores - Seção Juiz de Fora). Contamos também com a participação de autores independentes e de vários escritores que publicaram suas obras através da Editar, além de uma nova geração de poetas jovens e super inspirados. Vida longa à Poesia!" (Cristiane Ramalho Gama)

 
2020-09-06-21-02-40-687.jpg

Por onde Andei...

Vem caminhar comigo pelas Veredas por onde eu já passei...

 

Juiz de Fora - MG

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter

©2020 por Veredas Sentimentais. Orgulhosamente criado com Wix.com