• Laura Assis

Enlouqueça!!!

Atualizado: 23 de Set de 2020

Mande flores. Mensagem de madrugada. No meio da tarde. Enlouqueça! Não economize amor, não reserve carinho, esbanje gratidão! Sentimentos bons foram feitos para espalharmos. Faça promessas, deixe bilhetes, leve o café da manhã na cama. Se importe. Se entregue.

O mundo precisa de amor, eu preciso de amor e você, mesmo que não perceba, também precisa! E vamos lá, sejamos honestos, tem sensação melhor do que a de perceber que alguém se preocupa de verdade com você? Tem sensação melhor do que notar que aquela pessoa que faz seu coração bater descompassado se interessa pela sua vida, pelas coisas que são importantes pra você? Eu amo perceber esses pequenos detalhes, gosto de me sentir cuidada! Gosto de coisas românticas, de flores, de surpresas…

Mas eu não sei se sou eu que não estou enxergando bem as coisas como elas são, o mundo tem me parecido tão, tão frio! As pessoas têm parecido tão distantes umas das outras! Medo de demonstrar sentimento? Ou ausência dele? Medo do amor? Ou ausência dele?

Honestamente, eu não sei. Mas tenho me sentido meio “fora da casinha” por esperar alguém que me cubra de mimos e cuidados, porque eu, quando encontrar alguém que faça meu coração saltitar rua afora, vou fazer isso. Eu posso não ter nascido pra um monte de coisa que eu já quis fazer, mas uma dessas coisas, certamente, não é o amor. Eu nasci pra isso, tenho certeza! Nasci pra amar, pra cuidar, pra valorizar, pra encher de beijos, abraços e cuidados. Mas não vou fazer isso por alguém que não dá a mínima pra mim, né, gente?

Não faz sentido nenhum você ser calor onde só há frieza. Não tem lógica em ser amor diante de um muro de indiferença. Às vezes a gente até tenta, não é? Eu tentei, há algum tempo atrás. Mas não funcionou. Eu tava lá, toda cheia de jantar à luz de velas e surpresas românticas e o cara não sabia nem o endereço do meu site ou o nome do meu livro. Dei umas dicas aqui, um toque ali. Não fluiu. Não foi preciso nem eu cair fora, porque ele mesmo percebeu que não tava me oferecendo o bastante e saiu de cena.

Bom, eu não sei se ele se arrependeu disso - ou de todas as vezes que eu o abracei toda cheia de carinho e ele foi mais frio que o iceberg que afundou o Titanic. Mas, sabe, não importa! Não importa porque hoje eu sei que não era ele. Eu sei, agora, que não fui feita pra ele, fui feita pra alguém que queira me amar, que queira me roubar no final de semana e me fazer uma surpresa no meio de uma viagem maluca. Que me leve à praia e me peça para usar um biquini, ao invés dos maiôs de costume. Alguém que segure minha mão na rua como quem diz “eu tô segurando a mão da pessoa mais maravilhosa do mundo”. Um cara que queira me fazer feliz, que saiba demonstrar carinho, amor e respeito. Que saiba o que é importante pra mim e queira fazer parte disso. Que se ajoelhe e me peça em casamento.

Tá. Pode falar. Eu sei. Tô sonhando alto demais, né?

Não importa. Vou continuar sonhando, vou continuar aqui esperando que esse cara apareça. E sabe por que? Porque eu sei que Deus me fez pra ser muito, mas muito feliz mesmo. E se eu quero um amor assim, sei que Ele vai me dar na hora certa. E não adianta me chamarem de “princesa da Disney fora da realidade”, porque eu não vou desistir! Eu sei que vou me casar num fim de tarde, num dia de primavera ou quem sabe no mesmo dia que meus pais se casaram! E vai ter um cara lá, esperando por mim, emocionado porque vai passar o resto da vida ao meu lado…

Porque se um dia eu me casar (de novo), eu quero que seja pra sempre, mesmo que você e todo mundo me diga que isso não existe mais. Eu nunca vou deixar de sonhar!!


35 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Silêncio